Notícias Ação Social Maisse, Maria, Lú Alckmin e Eva durante a reunião no Palácio dos Bandeirantes - créditos de Fernando Lambert

Publicado em 31 de janeiro de 2017

0

Fundo Social de Vargem se reúne com primeira dama do Estado

Em busca de novos cursos e da reativação dos cursos da Escola de Qualificação Profissional em parceria com o Fundo Social de Solidariedade do Estado de São Paulo, estiveram no Palácio dos Bandeirantes em São Paulo no último dia 26, a primeira dama Maria Aparecida Teijada Moraes; a diretora de Ação Social e presidente do Fundo Social de Vargem, Eva Vilma da Silva Rodrigues e a assistente social Maisse Colombo de Paula.

A reunião aconteceu com a primeira dama do Estado, Lú Alckmin e sua equipe técnica e teve como principal objetivo mostrar os projetos da Escola de Qualificação Profissional e da Horta Educativa que já estão em andamento, além de apresentar as novidades para 2017 como as novas parcerias que podem ser firmadas entre os municípios e o Fundo Social de Solidariedade do Estado nas áreas de Moda, Beleza, Construção Civil e Padaria Artesanal.

“Neste ano, vamos expandir para o interior a Escola de Construção Civil, teremos os workshops de Moda e de Beleza e novos cursos para a Padaria Artesanal, além de 28 Polos Regionais”, comentou Lu Alckmin.

A primeira dama Maria, disse que a reunião foi bastante proveitosa e que Vargem já tem alguns cursos instalados, mas há uma grande necessidade de retomar as atividades e expandir devido à grande procura das famílias.

A presidente do Fundo Social, Eva Vilma, afirmou que agora há a necessidade de retomada das atividades da Escola de Modas que terá mais um módulo agora em consertos e pedraria; da costura industrial e também da Horta Educativa que está na escola “Antônio Coury”. “A intenção é retomar e repaginar os programas existentes dando mais oportunidades. A Escola de Modas terá um novo módulo e também nos interessamos muito no projeto voltado para a Construção Civil que terá curso básico de pedreiro num primeiro momento e assentador de pisos e azulejos mais à frente. No ramo da beleza, vamos buscar outras parcerias para atender o maior número de pessoas possível, com qualidade e responsabilidade, para que possamos dar a oportunidade de uma renda na família. A Prefeitura passa por uma crise intensa, temos que ter muita criatividade e responsabilidade, e com a parceria do Fundo Social e o apoio do prefeito Amarildo que tem um atenção especial para Ação Social, iremos retomando as atividades e otimizando os programas em benefício das famílias de Vargem”, disse.

Da reunião 32 cidades, entre elas: Aguaí, Águas de Prata, Águas de São Pedro, Analândia, Araras, Brotas, Caconde, Casa Branca, Charqueada, Conchal, Cordeirópolis, Corumbataí, Divinolândia, Espírito Santo do Pinhal, Estiva Gerbi, Ipeúna, Iracemápolis, Itirapina, Itu, Leme, Mococa, Pirassununga, Rio Claro, Santa Cruz da Conceição, Santa Maria da Serra, Santo Antônio do Jardim, São João da Boa Vista, São José do Rio Pardo, São Sebastião da Grama, Tapiratiba, Torrinha e Vargem Grande do Sul.

[Best_Wordpress_Gallery id=”34″ gal_title=”Fundo Social de Vargem se reúne com primeira dama do Estado”]


Sobre o Autor



Back to Top ↑